Defesa Profissional 2020

No encontro, foram debatidas formas de garantir que o Congresso Nacional mantenha os vetos do presidente Jair Bolsonaro aos artigos da Medida Provisória 890 que permitiam a revalidação de diplomas em faculdades particulares.


Também fizeram parte da programação apresentações sobre a implantação do novo sistema e rede central de serviços da AMB; e muitos outros projetos futuros da AMB.


Representantes das Federadas da Associação Médica Brasileira

Entre as pautas debatidas na última reunião, temos:


1. Lei de proteção de dados: obrigatória. E todas as federadas terão que se adequar, a AMC apoia essa nova medida.


2. 5G/ monitoramento

Certificação digital / especialistas: obrigatória!

Associação Médica Cearense apoia as decisões do Conselho Federal de Medicina.

E irá manter-se atenta e acompanhando. Com suas próprias comissões.


3. Agencia Nacional de Saúde Suplementar: sua gestão é por inteiro das operadoras e não conta com a presença de médicos. Estamos em um movimento para levar 1 Medico para ANS. Pedimos apoio de todas sociedades de especialistas, pois sem esse apoio nada acontecerá.


4. Telemedicina: já é prática no país, porém, necessita de adequações.

A Associação Médica Cearense apoia decisões do Conselho Federal de Medicina e mantem-se atenta e com comissões próprias.

Convocaremos as especialidades médicas para apoiarem, que posteriormente, participarão em ajustes referentes a atuação de cada especialidade. Contamos com a participação de todas as sociedades de especialidades medicas.


5. Revalida: garantir que os vetos presidenciais se mantenham, junto ao Congresso Nacional

A Associação Médica Cearense apoia decisões do Conselho Federal de Medicina e do atual ministro

Dados do revalida

Av. Dom Luís, 300

Meireles, Fortaleza - CE - Sala 1122

(85) 3092.0401 / (85) 3264.9466

amc@amc.med.br

  • Branca Ícone Instagram
  • Branco Facebook Ícone